buscar
BASCULAÇO

ALONGAMENTOS DE CHASSIS
CAÇAMBAS BASCULAÇO
CARROCERIAS BASCULAÇO
GAIOLA FLORESTAL BASCULAÇO
MANUTENÇÃO EM MOLAS
PRANCHAS CARREGA TUDO
TANQUE PIPA BASCULAÇO
Galeria
Manutenção Em Molas


Valor
A Combinar
PRODUTO NOVO


Meios de pagamento:
PagSeguro / Venda direta

Quantidade de Venda Mínima:
não informada

Capacidade de entrega:
não informada

Prazo de entrega:
A combinar

Mercado de venda:
Todas Cidades e Estados do Brasil

DESCRIÇÃO:

Manutenção Em Molas

Todos os veículos de carga, desde os menores até os que suportam mais carga, necessitam de um sistema de suspensão em perfeito estado, para agüentar o tranco do dia a dia, seja nas ruas da cidade ou na estrada. A boa dirigibilidade e a estabilidade estão diretamente ligadas ao bom funcionamento da suspensão.

Um dos principais componentes desse importante sistema é o feixe de molas, responsável por absorver os impactos gerados pelas irregularidades do terreno, além de suportar o peso do veículo e da carga (o conjunto trabalha fazendo a ligação entre o eixo, o chassi e a carroceria do veículo).

Em geral, o conjunto é formado por: molas (?lâminas?), ?espigão? (pino de centro), buchas, abraçadeiras, rebites, parafusos, tubos espaçadores e porcas. O conjunto conta ainda com itens auxiliares como: suporte, jumelo, pinos e grampos.

As lâminas apresentam atributos elásticos e podem alterar o seu perfil semi-elíptico ao passar por ondulações ou depressões de solo, absorvendo as vibrações do veículo.

A fixação do feixe de molas é basicamente igual em todos os veículos, ou seja, conta com o suporte fixo, o suporte móvel, conhecido como jumelo, o pino central e os grampos da mola. Já os pinos da mola são os responsáveis por fixar o feixe no eixo de rodas.

Desmontagem

1) Com o veículo apoiado nos cavaletes, comece a remoção do amortecedor (1A)e da barra estabilizadora (1B) para, em seguida, tirar o feixe de molas.

2) O próximo passo é soltar a fixação do suporte fixo do feixe, antes de soltar o móvel, para facilitar as movimentações necessárias do processo de retirada.

3) Depois de soltar os grampos da mola, o feixe está livre (3A). Faça então a retirada dos parafusos de fixação dos suportes. Inspecione atenciosamente cada um dos parafusos, para checar se não há trincas ou defeitos na rosca. (3B).Se os grampos estiverem danificados devem ser trocados.

4) Com a ajuda de outro técnico, remova os feixes de molas. Leve as peças com segurança para uma bancada de manutenção. Não carregue o feixe sozinho para não causar acidentes.

Na bancada

1) O conjunto removido deve ser inspecionado em busca de desgaste excessivo, lâminas trincadas ou quebradas e as condições do parafuso central e das buchas de fixação. A avaria mais comum é a presença de trincas nas lâminas do feixe, que nesse caso, deve ser substituída. Uma peça trincada pode comprometer o funcionamento de todo o conjunto.

2) Sobre uma bancada adequada e utilizando uma morsa adaptada, inicie a desmontagem das lâminas. Remova o parafuso central de fixação e, em seguida, solte a abraçadeira próxima das extremidades do feixe. Para isso, use ferramentas adequadas. Faça a inspeção de todas as lâminas e troque as que apresentarem problemas (2A e 2B). Cheque a quilometragem do veículo.

3) Monte novamente as molas no feixe, com as substituições que forem necessárias, comprimindo-as na morsa. Verifique a altura do arco, de acordo com a especificação do fabricante. Nesse caso, a altura do arco deve ser entre 23 e 24 cm. Somente depois disso, faça a instalação do parafuso central e a fixação das abraçadeiras.

Instalação do feixe no veículo

1) Leve o conjunto de volta para o veículo, para iniciar a montagem, que é o processo inverso da desmontagem, seguindo os torques e especificações determinados pelo fabricante.

2) Reinstale os grampos de fixação do feixe no eixo. Lembre-se de instalar corretamente os grampos, pois a área do parafuso central do feixe deve estar rígida para não provocar quebra das lâminas.

3) Depois que as peças estiverem instaladas, aperte com o torque adequado os grampos de fixação. Abaixe o veículo e movimente-o um pouco para assentamento das peças e reaperto final do conjunto, que deve ser repetido a cada 5 mil km para garantir a perfeita fixação.


4) A fixação final dos parafusos das buchas silenciosas deve ser realizada com o veículo apoiado no solo, o que evita deformações e quebra.




BASCULAÇO
basculaco@basculaco.com.br
(31) 3095-4704

Importante: A UOL360 não vende este produto ou serviço, não participa de nenhuma negociação entre vendedor e comprador,
a Uol360 somente cede o espaço virtual para os Afiliados divulgarem seus produtos ou serviços.
VEJA OUTROS
Produto
Gaiola Florestal Basculaço

Produto
Caçamba Truck Basculaço

Produto
Caçamba Graneleira Basculaço

Produto
Caçamba Toco Basculaço

Produto
Carroceria Basculaço


buscar
seja nosso parceiro
Crie seu ADS360
segurança
Porque Comprar com PagSeguro


suporte técnico
PagSeguro
redes sociais
Facebook   Youtube  

© UOL360. Todos os Direitos Reservados.
O uso deste site web implica na aceitação das Condições de uso e da Política de privacidade da UOL360 Ltda.
Direitos autorais